Patrocínio

A dupla Leo e Fred Zettel começou bem o Rally de Erechim, mas teve problemas mecânicos no sábado e capotou no domingo.

O maior rali do Brasil aconteceu de 20 a 24 de maio na cidade de Erechim, no Rio Grande do Sul. A prova teve 156 km de especiais e foi válida pelo Campeonato Gaúcho, Brasileiro e Sulamericano de Rally de Velocidade. 

O evento começou na quinta feira com a largada promocional que levou cerca de 20 mil pessoas até a Praça da Bandeira, no centro da cidade, para ver de perto os 78 carros inscritos na competição. “Só a largada promocional já é um show a parte”, conta o piloto Leo Zettel. 

Na sexta feira a noite começaram as disputas em um Super Prime, onde os carros se enfrentam dois a dois em um circuito fechado levando muita emoção ao público presente. “Eu estava me policiando para não acelerar muito, pois um problema no super prime poderia acabar com a prova. Mas na hora que larga a gente só pensa em vencer”, brinca Zettel. Os irmãos de Curitiba terminaram a sexta-feira na terceira colocação na categoria.

Já no sábado as coisas se complicaram um pouco mais quando a dupla bateu uma pedra na saída de uma curva da SS3, comprometendo a suspensão traseira. “Acho que alguém pegou a pedra primeiro e jogou ela para dentro da pista. Acertamos ela com a roda traseiro e foi eixo, amortecedor, pneu e roda”, lamenta o piloto. O VW Gol resistiu até o final e, depois de trocar o pneu, ainda fez mais uma especial até o apoio, mas os danos eram mais graves, e dupla abandonou. 

No domingo, depois de muita chuva durante a madrugada, os irmãos saíram com o objetivo de chegar no final, pois com as penalizações pelo reingresso, ocupavam a última colocação. “Mas como era uma prova dura, outros também podia ter problemas, então poderíamos garantir mais alguns pontos para o campeonato”, conta o navegador Fred.  Porém a dupla não concluiu a prova após capotar na SS10. “Uma pena! Cometi um erro bobo em uma esquerda dois e o carro caiu em uma valeta”, declara o piloto.

Resultado categoria RC5 (para veículos 1600 4x2 de produção)

  1. CassandroMaloz / LuisTrentin– Fiat Palio – 2:03:41,1
  2. Toninho Genoin / Maicol Souza – Peugeot 206 – 2:05:19,9
  3. Fabio Simsen / Gilson Rocha – Peugeot 207 – 2:11:20,8
  4. Evandro Carbonera / Eduardo Tonial – Peugeot 207 – 2: 16:21,9
  5. Emerson Cavassin / Rafael Frasson – Peugeot 206 –2:27:55,4

Nos dias 05 e 06 de junho a dupla encara a segunda etapa do Campeonato Paranaense de Rally, em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba.

Para a temporada 2015 de rally os irmãos Leo Zettel e Fred Zettel contam com a estrutura da ProMacchinaMotorsport, patrocínio da WZ Comm – Comunicação que mostra resultados, GoBS – distribuidor Excusivo OMP no Brasil e DmackMotorsport Brasil – pneus de rally.

 

Compartilhar

Do Blog

O Sonho Que Muitos Não Entederão

Recebi esse texto de um amigo. Infelizmente o autor é desconhecido, mas reflete tudo aquilo que nós, automobilistas, vivemos. 


O Sonho Que Muitos Não Entenderão.

Ter um carro de corrida é um sonho pessoal. Um dia quando estiver muito velho e quando não puder andar mais, estará na minha garagem, ou nas minhas fotos do escritório, ou casa, assim como todos os troféus que serão as minhas memórias.

Leia mais...
by acls us

Busca

Agenda

01 - 03/11/2019 - Rally da Graciosa
Campeonato Brasileiro de Rally
Back to Top