Patrocínio


O maior rali de regularidade do estado começa nesta quarta-feira, dia 13, com o Prólogo e depois parte a cada dia com rodadas duplas até a chegada em Balneário Camboriú no sábado, dia 16. Nos 784 quilômetros de prova, muitos balaios, barro, chuva, trilhas pesadas e leves que cortarão as regiões mais bonitas de Santa Catarina.

Hoje o clima deu sinal de que a água vai cair. Garoou por alguns minutos no final da tarde e os competidores esperam mais água e mais lama. “Parece que a prova vai ser um pouco mais seca do que a do ano passado, mas estamos esperando um pouquinho de água para a adrenalina bater mais forte!”, comentou Fabiane Kruger, que vem pela segunda vez ao Transcatarina como navegadora ao lado de seu marido, Eduardo Kruger, na categoria Junior. “Viemos de Jaraguá do Sul/SC em um comboio de oito carros e foi uma viagem bem tranqüila porque tínhamos um carro do apoio, além da companhia de outros competidores” completou Eduardo.

Diferente dos que esperam o frio tem gente que aguarda temperaturas mais amenas do que as registradas nas duas edições anteriores, como Acyr Silva, piloto da categoria Super Master um veterano do Transcatarina: “Levando em conta as competições de 2009 e 2010, acredito que este ano também vai ser tudo muito bom, e parece que pelo menos o frio não está tão forte quanto estava nas outras vezes. Vim de Corupá/SC em uma viagem muito tranqüila, quase 300 quilômetros em dois veículos”.

Entre o pessoal que veio de longe está Cristiano Botura, piloto da categoria Graduados que partiu de Sicop, no Mato Grosso. Parte da vinda a Fraiburgo, ele e sua equipe trocaram o carro pelo avião, indo da terra natal a Curitiba e percorreram mais 303 quilômetros até a serra catarinense em terra. “Eu e o Álvaro, o navegador, também participamos do campeonato estadual do Mato Grosso, mas é a primeira vez que venho ao Transcatarina. Dizem que é uma prova muito boa, bastante difícil e a gente quer mesmo testar este desafio”.

Nesta quarta-feira, dia 13, pela manhã chega o restante das equipes. No mesmo dia a tarde teremos o Prólogo, que definirá o grid de largada. A terceira edição do Transcatarina receberá competidores do estado, do Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Bahia, além de uma dupla diretamente da Argentina. Acompanhe abaixo a programação oficial:

Quarta-feira, dia 13 de julho
8h – Confirmação de inscrição no Hotel Renar (Av. Beira Lago, 150 – Fraiburgo)
10h – Briefing com os competidores no Salão Principal do Hotel Renar
10h30 – Briefing com participantes das categorias Turismo no Salão Principal do Hotel Renar
13h – Largada promocional (volta pela cidade)

Prólogo em Fraiburgo
15h – Largada do primeiro carro do Hotel Renar
15h30 – Previsão de chegada do primeiro carro
Trecho cronometrado – 16km

Quinta-feira, dia 14 de julho
1ª etapa (manhã) – Fraiburgo a São Cristóvão do Sul
7h31 – Largada do primeiro carro do Hotel Renar
11h20 – Chegada do primeiro carro (Posto Serrano, Restaurante e Churrascaria Cesca – BR 470, km 235, bairro Monte Alegre)
Trecho cronometrado – 147km

2ª etapa (tarde) – São Cristóvão do Sul a Lages
12h25 – Largada do primeiro carro (Posto Serrano, Restaurante e Churrascaria Cesca – BR 470, km 235, bairro Monte Alegre)
15h10 – Chegada do primeiro carro (Praça João Ribeiro, conhecida como Praça da Catedral)
Trecho cronometrado – 101km

Sexta-feira, dia 15 de julho
3ª etapa (manhã) – Lages a Otacílio Costa
8h01 – Largada do primeiro carro (Praça da Bandeira)
10h30 – Chegada do primeiro carro (Igreja São José Operário)
Trecho cronometrado – 80km

4ª etapa (tarde) – Otacílio Costa a Rio do Sul
11h30 – Largada do primeiro carro (Igreja São José Operário)
14h40 – Chegada do primeiro carro (Prefeitura de Rio do Sul, Rua Quinze de Abril, ao lado da prefeitura – Centro)
Trecho cronometrado – 136km

Sábado, dia 16 de julho
5ª etapa (manhã) – Rio do Sul a Apiúna
7h31 – Largada do primeiro carro (Prefeitura de Rio do Sul, Rua Quinze de Abril, ao lado da prefeitura – Centro)
10h50 – Chegada do primeiro carro (Centro de Eventos, na Rua São Paulo)
Trecho cronometrado – 107km

6ª etapa (tarde) – Apiúna a Balneário Camboriú
11h30 – Largada do primeiro carro (Centro de Eventos, na Rua São Paulo)
16h – Chegada do primeiro carro (Praça Almirante Tamandaré, conhecida como Praça Central, na Avenida Atlântica)
Trecho cronometrado – 195km

Compartilhar

Do Blog

O Sonho Que Muitos Não Entederão

Recebi esse texto de um amigo. Infelizmente o autor é desconhecido, mas reflete tudo aquilo que nós, automobilistas, vivemos. 


O Sonho Que Muitos Não Entenderão.

Ter um carro de corrida é um sonho pessoal. Um dia quando estiver muito velho e quando não puder andar mais, estará na minha garagem, ou nas minhas fotos do escritório, ou casa, assim como todos os troféus que serão as minhas memórias.

Leia mais...
by acls us

Busca

Agenda

01 - 03/11/2019 - Rally da Graciosa
Campeonato Brasileiro de Rally
Back to Top